SEIS SUPER DICAS PARA VOCÊ PASSAR NOS CONCURSOS!

DICA 01 – PLANEJAMENTO
Defina exatamente o que você quer, antes de começar uma caminhada, deve-se saber qual será o destino. Primeiro, escolha o cargo desejado, consulte editais anteriores e traçe seus objetivos. Planeje sua preparação e seus horários de estudo, decida quais serão os métodos utilizados, programe simulados e revisões e busque todas informações possíveis sobre como conquistar o cargo desejado.DICA 02 – MÉTODO DE ESTUDO
Não adianta estudar sem critérios ou métodos adequados, é melhor 1 hora de estudo bem aproveitado do que 3 horas de estudo sem concentração, disperso e fora de foco. Procure estudar sempre em um horário específico, com ambiente calmo e com materiais adequados. Identifique qual é a sua melhor maneira de absorção da matéria, seja lendo em voz alta, fazendo resumos ou estudando em grupos e em cursos preparatórios.

DICA 03 – DISCIPLINA
Estabeleça datas e horários específicos para seus estudos e lazer. Cumpra rigorosamente todo o seu planejamento, desta forma você não se sentirá perdido e nem arrependido por ter deixado de fazer alguma coisa. Lembre-se que muitos tem o mesmo desejo que você e que só quem tiver muito esforço e dedicação chegará lá. Então tenha muita determinação em passar e pratique sua autodisciplina para conquistar o seu objetivo.

DICA 04 – MOTIVAÇÃO
A motivação é fundamental, não é fácil continuar com a mesma motivação durante várias semanas ou meses, principalmente quando há algumas derrotas e tropeços no caminho. A motivação é particular e depende de você, procure formas de se motivar, pense em coisas positivas que acontecerão com você quando conseguir sua aprovação.

DICA 05 – PERSEVERANÇA
Muitos acham difícil começar uma caminhada, mas na verdade começar qualquer coisa é fácil, difícil é perseverar e continuar, mesmo quando tudo dá errado, quando muitos não acreditam e quando tudo parece só um sonho. O importante é sempre ir em frente, sem olhar pra trás e focando sempre no objetivo, com persistência e muita força de vontade. Aprenda com seus erros e continue, nunca desista que um dia você chega lá.
DICA 06 – QUANTAS HORAS DEVO ESTUDAR?
É muito freqüente os candidatos formularem esta pergunta, que normalmente denuncia quem está querendo estudar o mínimo (desde que seja suficiente pra passar) e transferir a responsabilidade pela aprovação para o curso, para o livro, para o professor, para os colegas do grupo de estudos, para quem responde…
Diante disso, o exposto envolve a lei do menor esforço e a busca pela melhor relação custo/benefício. O compromisso com a aprovação deve ser, mais do que de qualquer outra pessoa, do candidato. Ele será o maior beneficiado com a aprovação, e por isso deve ter em mente a busca perene pelo seu aperfeiçoamento, por resultados cada vez melhores em provas, simulados e concursos.
Contudo, se e alguém com muita experiência responde “bastam 4 horas por dia”, como já vimos ser ensinado na televisão, certamente haverá quem cumpra a tarefa e, ao ser reprovado diga: fiz a minha parte. E passa a achar que o concurso é algo que não está a seu alcance. Primeiro precisamos esclarecer o conteúdo da pergunta. Não está expresso, mas o que se quer saber é “quantas horas eu preciso estudar para passar“. Ora, o mais próximo do ideal seria procurar saber quantas horas são suficientes para que o candidato esteja preparado para as provas, valendo destacar que nem sempre os candidatos suficientemente preparados passam, assim como muitos que ainda não estão preparados conseguem a vitória antes da hora.
Assim, esse resultado é típico dos concursos, e se deve ao fato de que a avaliação do “estar preparado” toma como referência apenas o conhecimento do candidato em relação aos programas das disciplinas cobradas nas provas, esquecendo-se, a grande maioria, de um fator que tem importância capital: o saber fazer concursos.
Por isso é que alguns preparados não passam, e outros ainda não preparados passam, dando a falsa impressão de injustiça nos resultados. Até aqui já deu para perceber que a pergunta, se mal formulada, portanto, não é tão útil, já que o que se almeja, em verdade, é a aprovação, e não, evidentemente, o simples fato de estar preparado.
De toda sorte, vamos tentar responder mesmo assim. Antes, porém, atentemos para a qualidade do estudo. Duas horas bem aproveitadas valem mais que quatro horas de simulação de estudo, em faz-de-conta, sem concentração ou compromisso com o aprendizado, apenas para dizer que foi feito o que o mestre mandou e poder a ele transferir a responsabilidade pela eventual reprovação. Ou apenas para se chegar à falsa conclusão de que você não consegue passar em concurso, como acontece com a grande maioria dos que o fazem de vez em quando. Acresça-se a isso o tipo de material usado, a companhia, quando se trate de estudo em grupo, além de vários outros fatores que transcendem o simples “quantas horas”. Até mesmo se o nível das lições ou da leitura é compatível com sua condição, com o seu conhecimento anterior.
Sendo objetivo, respondo agora, depois de alertar para os fatores acima: o número ideal de horas de estudos é o máximo que você puder, pois quanto maior a dedicação mais rapidamente ocorrerá a aprovação. Não pense em um concurso só, mas sim na sua condição de concurseiro, que concorre a várias vagas em concursos diferentes, claro que sem misturar matérias a ponto de se prejudicar. Neste máximo pondere seus outros deveres e interesses, como a família, a religião, o lazer, o descanso, o trabalho etc. E nunca esqueça que o cansaço é um valioso sinal do seu corpo e de sua mente; um alerta que deve ser respeitado como medida de segurança, o que evitará prejuízos à sua saúde. Se ele aparece com freqüência acima do normal, é hora de procurar ajuda médica e passar a fazer atividade física, pois isso é indício de sedentarismo.
Tome, portanto, como medida para sua carga de estudos, o máximo possível, sem sacrifícios excessivos. Você só ganhará com isso. À medida em que você vai fazendo provas e vendo que poderia acertar mais com um pouco mais de estudo, a preparação vai se tornando um processo cada vez mais estimulante e até prazeroso, de maneira que você deixará de pensar em falsas comodidades.
Conclusão: estudar o mínimo é tornar máxima a distância em relação ao sucesso, e seu comodismo é o combustível dos seus concorrentes.

RESOLUÇÃO DE EXERCÍCIOS DE MATEMÁTICA PROVA CONCURSO BANCO DO BRASIL (PR) 2011

Prof. Ivanir Grings


/* Style Definitions */ table.MsoNormalTable {mso-style-name:”Tabela normal”; mso-tstyle-rowband-size:0; mso-tstyle-colband-size:0; mso-style-noshow:yes; mso-style-priority:99; mso-style-qformat:yes; mso-style-parent:””; mso-padding-alt:0cm 5.4pt 0cm 5.4pt; mso-para-margin-top:0cm; mso-para-margin-right:0cm; mso-para-margin-bottom:10.0pt; mso-para-margin-left:0cm; line-height:115%; mso-pagination:widow-orphan; font-size:11.0pt; font-family:”Calibri”,”sans-serif”; mso-ascii-font-family:Calibri; mso-ascii-theme-font:minor-latin; mso-hansi-font-family:Calibri; mso-hansi-theme-font:minor-latin; mso-bidi-font-family:”Times New Roman”; mso-bidi-theme-font:minor-bidi; mso-fareast-language:EN-US;}


v\:* {behavior:url(#default#VML);} o\:* {behavior:url(#default#VML);} w\:* {behavior:url(#default#VML);} .shape {behavior:url(#default#VML);}


/* Style Definitions */ table.MsoNormalTable {mso-style-name:”Tabela normal”; mso-tstyle-rowband-size:0; mso-tstyle-colband-size:0; mso-style-noshow:yes; mso-style-priority:99; mso-style-qformat:yes; mso-style-parent:””; mso-padding-alt:0cm 5.4pt 0cm 5.4pt; mso-para-margin-top:0cm; mso-para-margin-right:0cm; mso-para-margin-bottom:10.0pt; mso-para-margin-left:0cm; line-height:115%; mso-pagination:widow-orphan; font-size:11.0pt; font-family:”Calibri”,”sans-serif”; mso-ascii-font-family:Calibri; mso-ascii-theme-font:minor-latin; mso-hansi-font-family:Calibri; mso-hansi-theme-font:minor-latin; mso-bidi-font-family:”Times New Roman”; mso-bidi-theme-font:minor-bidi; mso-fareast-language:EN-US;}

PROVA: 001

TIPO: 005

31-Uma duplicata foi descontada em R$ 700,00 pelos 120 dias de antecipação.Se foi usada uma operação de desconto comercial simples,com a utilização de um0% a taxa anual de desconto de 20%, o valor atual do título era de:

(A)R$ 10 500,00

(B)R$ 10 200,00

(C)R$ 9 800,00

(D)R$ 8 200,00

(E)R$ 7 600,00

32-Pretendendo fazer uma viagem à Europa,Mazza foi certo dia a uma Agência do Banco do Brasil comprar euros e dólares.Sabe-se que ela usou R$6132,00 para comprar €2800 e que , com R$ 4 200,00 comprou US$ 2 500,00.Com base nessas duas transações, é correto afirmar que, nesse dia, a cotação do euro em relação ao dólar, era de 1 para

(A)1,3036

(B)1,3606

(C)1,3844

(D)1,4028

(E)1,4204

33- Um capital foi aplicado a juros simples, à taca anual de 36%. Para que seja possível resgatar-se o quádruplo da quantia aplicada,esse capital deverá ficar aplicado por um período mínimo de:

(A)7 anos, 6 meses e 8 dias

(B)8 anos e 4 meses

(C)8 anos,10 meses e 3 dias

(D)11 anos e 8 meses

(E)11 anos, 1 mês e 10 dias

34-Em um dado momento em que Ari e Iná atendiam ao público nos guichês de dois caixas de uma Agência do Banco Brasil, foi observado que a fila de pessoas à frente do guichê ocupado por Ari tinha 4 pessoas a mais que aquela foramda frente ao guich6e que Iná ocupava.

Sabendo que, nesse momento, se 8 pessoas da fila de Ari passassem para a fila de Iná, esta última ficaria com o dobro do número de pessoas da de Ari,então, o total de pessoas das duas filas era:

(A)36

(B)32

(C)30

(D)26

(E)24

35-Em Dezembro de 2007, um investidor comprou um lote de ações de uma empresa por

R$8 000,00.Sabe-se que: em 2008 as ações dessa empresa sofreram uma valorização de 20%; em 2009,sofreram uma desvalorização de 20%, em relação ao seu valor no ano anterior; em 2010, se valorizaram em 20%, em relação ao seu valor em 2009.De acordo com essas informações, é verdade que, nesses três anos, o rendimento percentual do investimento foi de:

(A)20%

(B)18,4%

(C)18%

(D)15,2%

(E)15%

36-Suponha que, para sacar certa quantia de sua conta em um caixa eletrônico, um correntista do Banco do Brasil deve lembrar-se de uma senha numérica de seis dígitos e de um código de se três letras.Florêncio, cliente do Bando do Brasil, pretendia usar o caixa eletrônico para fazer um saque, entretanto, lembrava-se apenas de algumas características de sua senha numérica e do respectivo código de letras:

– os três primeiros dígitos eram 455 e os três últimos correspondiam a um número ímpar de três algarismos distintos entre si;

-o código de letras era composto das letras H , J e K, não necessariamente nessa ordem.

O total de senhas que têm essas características é:

(A)divisível por 7.

(B)quadrado perfeito.

(C)maior que 2 000.

(D)menor que 1000.

(E)ímpar.

37-Certa máquina gasta 20 segundos para cortar uma folha de papelão de formato retangular em 6 pedaços iguais.Assim sendo, quantos segundos essa mesma máquina gastaria para cortar em 10 pedaços iguais outra folha igual à primeira se, em ambas as folhas, todos os cortes devem ter o mesmo comprimento?

(A)36

(B)35,5

(C)34

(D)33,3

(E)32

38-Um jornal publicou a seguinte manchete:

“Toda Agência do Banco do Brasil tem déficit de funcionários”.

Diante de tal inverdade, o jornal se viu obrigado a tratar-se publicando uma negação de tal manchete.Das sentenças seguintes, aquela que expressaria de maneira correta a negação da manchete publicada é:

(A)Existem Agências com déficit de funcionários que não pertencem ao Banco do Brasil.

(B)O quadro de funcionários do Banco do Brasil está completo.

(C)Qualquer Agência do Banco do Brasil não tem déficit de duncionários

(D)Nenhuma Agência do Banco do Brasil tem déficit de funcionários.

(E)Alguma Agência do Banco do Brasil não tem déficit de funcionários.

Resolução:

Para negar a afirmação basta dizer que alguma agência não tem déficit.

39-Saulo aplicou R$ 45 000,00 em um fundo de investimento que rende 20% ao ano.Seu objetivo é usar o montante dessa aplicação para comprar uma casa que, na data da aplicação, custava R$ 135 000,00 e se valoriza à taxa de 8%. Nessas condições, a partir da data da aplicação, quantos anos serão decorridos até que Saulo consiga comprar tal casa?

(A)6Dado:

(B)9(Use a aproximação: log3=0,48

(C)10

(D)12

(E)15

40-Para disputar a final de um torneio internacional de natação, classificaram-se 8 atletas: 3 norte-americanos, 1 australiano, 1 japonês e 2 brasileiros.Considerando que todos os atletas classificados são ótimos e têm iguais condições de receber uma medalha (de ouro , prata ou bronze), a probabilidade de que pelo menos um brasileiro esteja entre os três primeiros colocados é igual a:

O IMPORTANTE É ESTUDAR CERTO! ANALISE DE BANCA EXAMINADORA PELO PROFESSOR EVANDRO GUEDES!

ESTUDO DE BANCA PARA O CONCURSO DA POLÍCIA FEDERAL
Meus caros leitores, hoje vamos começar a saga pela melhor preparação nos concursos mais concorridos do Brasil. Dessa forma, começamremos com a analise da banca Cespe Unb (PARA O CONCURSO DA POLÍCIA FEDERAL) no que foi historicamente a composição da prova.
Portanto, através da analise de provas passadas poderemos seguir uma linha e dar peso as questões e consequentemente saber o que precisa ser focado. Conquanto a prova tenha suas peculiaridades, a analise sistematica do número de questões nos da uma rota para seguir. Pensando dessa forma montei a seguinte tabela e a partir dela montei um roteiro que devemos seguir para majorar a nossa preparação.
ANALISANDO A TABELA:
  1. Português: A parte geral da prova representa 48% do todo, sendo português o conteúdo com mais peso. Aqui devemos tomar muito cuidado, pois essa matéria será decisa em sua prova. Diante disso, posso afirmar que o português será o divisor de águas. Os concursandos em geral não dominam a lingua portuguesa e tamb´´me não se esforçam muito para dominar. Assim, 99% dos concursandos estudam muito as matérias de direito e muito pouco o português. Todos os dias vejo alunos me perguntando o seguinte: -“Evandro, como você fez para passar em 11 concursos?”. Eu respondo: “Filho, eu sempre, digo sempre – até hoje -, estudo português!” Então lá vai a dica: Estude português sempre e sempre e você vai sair da multidão e brilhar forte no dia da prova!          APOSTA DO PROFESSOR: Meus caros alunos, vejam a evolução da cobrança dessa matéria nas provas da Cespe, alguém tem dúvida que no próximo concurso virá mais de 30 questões? Bem, eu não tenho a menor dúvida, então lá vai minha aposta para o próximo concurso: Questões de português entre 30 e 35 questões!
  2. Atualidades, aqui não tem mistério: Assista as aulas, compre o manual abril, assista jornais e pronto. Mais uma dica: Big Brother Brasil, novela, chaves, pica pau e outras aberrações televisivas não caem na prova então fique atento!
  3. RLM: Aqui meu amigo é fazer exercícios até a mão cair, pois a banca cespe unb é previsivel ao extremo, sempre, digo sempre, cai a mesma coisa. Estude lógica das preposições, silogismo, tabela verdade e similares e você vai muito bem obrigado.
  4. Informática: Aqui mora o perigo, digo isso porque em 2009 praticamente me tirou o primeiro lugar nacional. Veja bem, passei nas vagas para escrivão, errei somente uma de português, mas ERREI 09 de informática, detalhe: Das 14 fiz nove e deixei 5 em branco e consegu errar as 09, isso mesmo incrível onde era errado coloquei certo e onde era certo coloquei errado, veja bem, incrível!!! Chutei ao inverso, assim é mais fácil ganhar na loteria não acha!!! Mas o  pior é que não chutei, eu realmente achava que sabia. Fico trabahando com o computador o dia todo, escrevo livro, achava que dominava o word, excel e outros aplicativos. Diante disso, o que aprendi tomando na cabeça: -Não adianta, estudar para concursos é estudar a teoria, pois na prova cai para fazer na caneta e não no computador. Então lá vai a dica: Saia do seu pedestal e pare de achar que porque você sabe usar Msn, Orkut e outros aplicativos que isso irá ajudar você a acertar questões, pois não vai. Estudar a teoria, assistir as aulas é que irá resolver você na prova.
  5. Direito: Aqui é barbada, assista as aulas e estude em casa, estudar direito é gostosa e todo mundo aprende, isso não vai fazer a diferença na prova, pois todo mundo sabe direito. Dica: Faça o feijão com arroz e não erre nada aqui.
  6. Específicas: Aqui mora o segundo perigo, o primeiro é português. AFO, CONTABILIDADE E ADMINISTRAÇÃO são matérias que causam bloqueios nos concursandos. Meus Deus do céu, filho(a) você quer ser PF, quer prender as pessoas e fazer o bem para sociedade, quer ser um super cara vestido de preto e tirar a maior onda porque passou em um concurso que todo mundo quer? Então, faça a diferença e PELO AMOR DE DEUS estude essas matérias. Mas estude correto, faça um curso que saiba direcionar você sempre dentro do edital. Não da para aprender tudo, mas 50% dessas questões na prova são pura teoria então dá para dominar bem e acertando 50% delas você estará nas vagas no final das contas.
Conclusão: Meu povão, a maioria absoluta dos concursandos estuda muito errado, assim devemos nos destacar da multidão, mas como fazer isso? Resposta: Devemos estudar certo e estudar certo e saber que algumas matérias necessitam de mais atenção que outras.
As matérias de Direito são de mais fácil assimilação, porque é gostoso ficar discutindo questões com os amigos que também estudam. Agora, o dificil é ficar discutindo questão de portugês, porque no seu dia a dia você mesmo fala muito errado e transformar o errado da fala no certo da escrita é muito dificil.
Dica do professor: Estude muito o que você sabe menos e gosta menos e estude menos o que você sabe mais e gosta mais. Pronto, está ai sua formulazinha de bolo.
Evandro Guedes
Professor de Direito Administrativo
Direito do complexo de ensino Alfa concursos Públicos e Alfa On Line

MACETES DE DIREITO CONSTITUCIONAL PARA VOCÊ NÃO SE ARREBENTAR NA HORA DA PROVA!

PRINCÍPIOS FUNDAMENTAIS (ARTS. 1º A 5º)

FUNDAMENTOS  –  SOCIDIVAPLU

OBJETIVOS: aqui penso na GRETCHEN

Isso mesmo! O objetivo da república é a GRETCHEN  –  CONGAERRAPRO (“CONGA”ERRAPRO)

INTERNACIONAIS – INPREAUTO NIDESORECOCO (“INPREAUTO” com pronúncia em inglês e “NIDESORECOCO” com pronúncia em francês)

Art. 59 da CF/88:Processo legislativco compreende:

EU CONHEÇO O DIRETOR DO MP DR….

Eu (Emenda constitucional)

Conheço (lei complementar)

O (lei ordinária)

Diretor do (lei delegada)

MP (medida provisória)

D (decretos legislativos)

R (resoluções)

DUPLA DINÂMICA DO ALFA CONCURSOS PÚBLICOS
PROFESSOR DANIEL SENA – PROFESSOR DE DIREITO CONSTITUCIONAL
PROFESSOR EVANDRO GUEDES – IDEALIZADOR DO SITE