Superando os problemas!

641Meus caros, reservei esse sábado para ajudar você a superar os problemas de sua vida. Contudo, não venho com soluções prontas, muito pelo contrário, minha proposta aqui será mostrar para você que é possível e farei isso por meio do testemunho.

“Podemos ser tudo que sempre sonhamos ser, para isso, basta acreditarmos que é possível!”

Sei que os problemas as vezes parecem não ter solução, sei também que as vezes bate aquele desespero e a vontade quase insuportável de resolver tudo rápido, mas é exatamente aqui que fazemos a diferença quando temos paciência.

Convivi com um menino muito especial por anos e ele foi tão importante para minha vida que virou capítulo do livro que lançarei ainda esse ano!

Assim, vou postar o relato dele e espero que você “compre” a ideia!

O relato de uma vida: Rodrigo Cozer!

Em meados de 2011, há 7 anos trabalhando no Banco do Brasil, estava infeliz com minha  profissão. Aceitei uma redução salarial para vir trabalhar no banco em Cascavel, onde conheci  a equipe do Alfa Concursos e minha vida começou a mudar. No começo foi muito difícil, pois estava em uma cidade nova, com um salário menor e muitas preocupações financeiras  surgiram.

E aqui vem a lição número um: “Se sua vida está uma merda, faça sacrifícios para  mudá-la. Ficar na zona de conforto reclamando não muda nada.”

Comecei minha preparação com o Alfa estudando para o INSS. Não lembrava nem o que era um substantivo. Cada vez que o Evandro entrava na sala eu tinha vontade de lançar um hadouken na cara dele… Era só dificuldade. Mas com o tempo fui conhecendo a filosofia de ensino do Evandro e os métodos da equipe, e aprendi a confiar na preparação.

E aqui vai a lição número dois: “Não fique navegando entre quinhentos PDF’s/vídeo aulas achados na internet. Escolha o rumo e mantenha o curso!”.

Em tempos de concursos escassos, chegou a esperada prova do INSS. Com a preparação que fiz no Alfa consegui fazer uma boa prova, e fiquei em quarto lugar para a cidade de Tefé, no Amazonas. Isso mesmo, sou do Paraná e fui fazer a prova no Amazonas, pensando em fugir da concorrência. Estupidez total.

Aqui vai a lição número três: “Não existe concorrência, pois o que importa é a sua preparação e não faça um concurso onde não pode assumir”.

Após essa idiotice, resolvi estudar para o concurso de Agente de Polícia Federal. Mais uma vez  segui à risca a preparação traçada pelo Alfa: fui às aulas, madrugadões, turmas de exercício aos sábados, simulados aos domingos. Fui aprovado dentro das vagas. Nesse processo o  Evandro sempre nos avisou sobre o teste físico. Eu estava sedentário depois de tantos anos como bancário e sofri para começar a fazer barras, pular, correr. Mas nada se compara ao  sofrimento da natação. Em resumo, no dia do TAF fiz a prova de natação, e perdi por cerca de 2 segundos. Fiquei triste. Muito triste.

Aqui vai a lição número quatro: “Aprenda a levantar, porque você vai cair. Não passar é a regra, ficar reprovado sim.”

Enquanto eu melhorava na natação, continuava estudando pra PF, para o concurso de escrivão  que estava na iminência de ocorrer. Só que imprevistos acontecem e suspenderam o concurso devido a um  imbróglio com os PNE’s. Parecia que a vida estava de “brinqueition with me”. Pensei em largar  tudo. Com o apoio da minha esposa e da minha mãe, comecei a estudar para Analista da Receita Federal do Brasil.

Nessa época conversei com o Evandro e ele me apoiou, sempre me lembro dessa conversa. Mais uma vez “colei” na equipe Alfa: aula, exercício, simulados. Em apenas dois  meses consegui fazer uma boa prova e fui aprovado, mas fora do número de vagas. Na prova discursiva, fui prejudicado na correção e perdi 4 pontos, o que me jogou para fora dos excedentes. Eu era um pós-excedente, se é que isso existe, e somente um decreto presidencial poderia me salvar. Fiquei triste. Muito triste.

Aqui vai a lição número cinco: “É serio, aprenda a levantar, porque você vai cair, e mais de uma vez. Não passar é realmente a regra.”

Depois de todos esses tropeços, voltei à prancheta. Já conformado com minha má sorte,  estudava achando que nunca ia passar. Sempre fui um aluno de escola pública, e sempre trabalhei  enquanto estudava. Ia para o trabalho com pequenos papéis no bolso, que ia lendo durante o  expediente. Assim, por exemplo, decorei o Art. 84 da CF e aprendi muita coisa.

Aqui vai a lição número seis: “Não faça de suas dificuldades motivo para desistir. Use-as para persistir”.

O ano de 2013, assim como um novo dia, chegou cheio de oportunidades. Concursos do DEPEN, PRF e até o enrolado escrivão da PF saíram do forno. Mais uma vez, eu e muitos Alfartanos mergulhamos nos estudos. O resultado foi o de sempre: assim como muitos amigos e colegas de aula, fui aprovado no DEPEN, PRF e na prova objetiva da PF (quebrei a cara nessa redação, depois de mais de um ano aprendendo a nadar… Graças à PF não morro mais afogado!).

Depois de um estafante período de testes físicos, exames médicos, testes psicotécnicos, iniciei  a minha formação na Academia Nacional de Polícia Rodoviária Federal. Tinha tudo para ser  perfeito, só que mais uma vez um “imprevisto” aconteceu…

Lembra do decreto presidencial? Pois é, dessa vez o imprevisto foi providencial, porque no último dia da validade do concurso de Analista Tributário da Receita Federal apareci no Diário Oficial da União!

Mas o importante vem agora. As lições que escrevi nesse relato não são minhas, nem sequer as descobri sozinho!

O Evandro e a equipe Alfa sempre me disseram, desde o primeiro dia de aula. Eu só demorei a perceber que elas SEMPRE FORAM VERDADE.

Agora, cabe a você descobrir se quer aprendê-las agora ou sofrendo…

Avisos Paroquiais Finais: Obrigado à família, em especial a minha esposa, Carolzinha, pelo apoio de sempre! Abraço para todos os professores, monitores e demais membros da equipe Alfa. Sem vocês não teria vencido!

Abraço aos amigos que fiz no Alfa, todos vocês me ajudaram muito. As viagens que fazíamos para as inúmeras provas sempre ficarão em minha memória.

Um Alfartano não desiste nunca!

ALFARTANOS, FORÇA!!

 Rodrigo Cozer –  Analista Tributário da Receita Federal do Brasil. 

—————————-++++—————————

Conclusão: Leia várias vezes a história desse menino vitorioso e leve em seu coração a mesma vontade de vencer que ele desenvolveu! Espero que você me aceite, assim, poderei fazer parte de todos os momentos de sua vida, seja nos bons ou maus momentos!

Amo muito sua vida – mesmo que você nem ao menos tenha noção do que isso possa significar! 



138 comentários sobre:
Superando os problemas!

  1. Zenaide Sonda - Foz do Iguaçu/PR comentou em :

    Nossa, eu nao me canso de ler e reler histórias de vida como essa do Rodrigo e vários tantos outros meninos e meninas do Alfa, os quais o Evandro já nos contou inúmeras vezes. Sem dúvidas isso nos dá muita força para continuar em frente, e leve o tempo q levar, eu vou chegar lá. Rodrigo, obrigada pro dividir conosco parte de sua trajetória! Vc está bem pertinho de Foz agora hehe. Alo vc!!

  2. ANA PATRICIA SILVA RUFINO comentou em :

    Olá,Professor Evandro aproveito para pedi-lhe que o desconto o qual recebi por e-mail de rematrícula até dia 24/05/2014 seja aplicado nos cursos do TRT E TRE,pois o desconto é bom,mas ,mas não recai sobre cursos de TRIBUNAIS que é meu objetivo.Por favor,preciso do desconto nesses cursos ,porque estou desempregada e quem paga meus estudos é minha mãe.Agradeço se puder rever meu assunto.

  3. Genilda comentou em :

    Boa tarde, Evandro
    Hoje por um instante fiquei arrasada, pois fiz 112 pontos na prova que prestei ontem para a UFS, precisava de mais 8 pontos para passar. Mas depois lembrei de você. Reprovar é a regra, passar é uma exceção. Por isso, agora vou correr atrás do prejuízo e vou me dedicar ao INSS. Dificuldades servem de lição, mas superá-las é preciso! Obrigada pela força que você nos transmite.

  4. Antonio Ramiro de Lima Torres comentou em :

    Relato de vida muito motivante!

  5. Heloisa Esther comentou em :

    Vi em algum evento o depoimento do Rodrigo, ele teve tudo pra desistir e continuou até conseguir, parabéns pelo seu esforço e suas conquistas, que vc seja feliz nessa nova etapa.

  6. Thiago (GO) comentou em :

    Se o corpo não aguenta!! a moral é que sustenta ! alfartanos ! força!!!!!!!!!!!

  7. Eduardo Henrique da Silva comentou em :

    Linda história, parabéns amigo!

  8. Scheila Delfino - Floripa/SC comentou em :

    Obrigado Equipe Alfa, eu estava precisando. ;)

  9. LihLih comentou em :

    Parabéns pelo esforço, dedicação e sabedoria.
    Confesso que estava me sentindo extremamente desanimada, depois da prova de hoje (Secretaria de Cultura) BSB-DF. Frustrada por não conseguir passar, dentro do número de vagas, sendo apenas “classificada”. Mas não posso desistir. Tenho duas pessoas maravilhosas que dependem de mim, então… Nada de derrotas e sim, desafios.
    FORÇA e sucesso a todos.

  10. Márcia/MG comentou em :

    Evandro,

    Obrigada por compartilhar a realidade desse campeão conosco, esse relato me motivou absolutamente!

    Sou feliz por estar aqui!

    Serei sempre grata a toda equipe Alfa pelo trabalho sério que desenvolve e a você que nos incentiva a sempre continuarmos lutando até alcançarmos a vitória!

  11. CAIO CÉSAR-PE comentou em :

    Muito bom depoimento!

  12. Patrícia Machado comentou em :

    Nossa !!
    Foi muito motivador ler esse depoimento…
    obrigada por compartilhar.

  13. Bruno Cao comentou em :

    Ótima história! trabalho no BB e me identifiquei bastante com o relato do Cozer. Bom saber que um alfartano veio do local que estou hoje e conseguiu atingir o seu objetivo. Realmente motivante. Evandro, anota ai, eu vou vencer e ainda vou deixar meu testemunho aqui!

    Att.: BRUNO CAO

    • Rodrigo Cozer comentou em :

      Bruno Cao, não desista, cada segundo vale a pena.

  14. Micheli comentou em :

    Obrigada Evandro!!!!!

    Força e fé até o fim!

  15. Giovani - DF comentou em :

    Aparece ai Evandro!!! Você acha que a nota de corte da prova da PRF no dia 25/05 será muito alta? Pelo 2º Simulado estou em 69% = 53 pontos, claro, tenho ainda mais uma semana cheinha para ralar, na real acredito que chegarei a uns 70 a 75 pontos, será uma boa pontuação?
    Tomara que vc apareça, um grande abraço!

  16. gabriela vieira comentou em :

    uma hora minha exceção vai chrgar..foco força fé;;;e muito hbc

    alfartanos força!!!!!!

  17. Denise/ Trindade- GO comentou em :

    Caramba!!!Que história de superação e exemplo de vida!
    Me controlei pra não chorar agora rsr, pq o povo aqui de casa
    já tem medo de eu ficar doida de tanto estudar, se me pegam
    lendo o blog e chorando….kkkkk
    Cada história como essa me dá mais força e vontade de prosseguir…
    >>amu muiiiito tudo isso<<

    • Rodrigo Cozer comentou em :

      Denise, persista sempre!!

  18. Leanderson Vieira comentou em :

    Esses depoimentos e as postagens do Evandro sempre me dão um up, e me faz acreditar ainda mais que é possível!!

    Em breve será um depoimento meu que será postado!!

    Alfartanos, Força!!

    Evandro, lhe mandei um e-mail cara, sei que são muitos que você recebe… mas se der leia lá…

    Abraço a todos os Alfartanos e um especial pra equipe Alfa!!

  19. Roberta - Brasília/DF comentou em :

    O depoimento do Rodrigo é um dos mais fortes pra mim…. Me emociona de verdade!
    Mas acima de tudo me inspira cada vez mais… e é isso!
    SE VOCÊ TEM UM SONHO, LUTE POR ELE!
    E eu estou lutando!!!

    De volta ao blog…rsrs (de leve claro, prioridade nos estudos)

    :)

  20. glaucia gonçalves- sete lagoas/mg comentou em :

    Acredito em tudo que é passado pela equipe Alfacon. Estudo a 9 meses e já tive uma classificação em concurso público (Agente de segurança socioeducativo/MG). Agora estou me preparando para o taf, mas continuo estudo meu objetivo é maior.
    UM ALFARTANO NÃO DESISTI NUNCA!
    Abraço a todos e muito obrigada.