Sobre fracassos e derrotas!

 

foto evandroMeus caros, a cada dia me sinto mais forte para colocar minha vida em prol de um objetivo. Esse objetivo é conseguir fazer você acreditar que você pode, acreditar que a derrota de hoje vai ser seu grande ponto de orgulho e fruto de muitas histórias de superação quando sua aprovação chegar. Contudo, antes desse grande dia, temos muito o que fazer. Reservei a postagem de hoje para falar com quem foi mal no concurso.  Tenham certeza de que:

“Poucas coisas na vida são tão saborosas quanto uma vitória em meio a vários fracassos!” 

Como nos sentimos após o concurso

Costumo dizer que a regra universal nos concursos é ficar reprovado e ser aprovado é a exceção, o legal é que de regra em regra, de reprovação em reprovação, a exceção – sua aprovação – vai chegar!

No entanto, o difícil é explicar ao aluno que a derrota é condição necessária para que a preparação fique efetivamente completa. Não ligue para o resultado final, importe-se com ver os pontos positivos e principalmente os negativos de sua preparação. Reveja fortemente a prova e retire a lição de que você deve estudar mais o que sabe menos e menos o que sabe mais, isso meus caros é o ponto de partida para sua aprovação.

Sei o que muitos de vocês estão sentindo ao ver a prova que acabaram de fazer. Por vezes dá vontade de rasgá-la, dá vontade de parar, ficamos nos achando os piores e nos perguntamos se é isso mesmo que queremos para nossas vidas! Relaxem! Durmam e, ao acordarem, tenham em mente de que tudo que foi perdido ser-lhes-á dado em dobro se vocês continuarem fortes e acreditarem que é possível!

O porquê de continuar

Bem, sei que essa é a pergunta que muitos estão se fazendo. A resposta não possui uma fórmula e somente você poderá respondê-la. O que posso fazer é mostrar o caminho, mas vou fazer isso por meio do testemunho:

…..minha vida….

Estou no momento da escrita voltando a Super Revisão de Véspera que fizemos em Brasília e a viagem estão servindo de reflexão para minha vida, de onde vim, onde estou e aonde efetivamente quero chegar!

Muitas coisas passam por mim nesse momento, mas o principal é lembrar-me de onde vim, das dificuldades, das críticas, enfim, lembrar e relembrar e saber que tudo que passei vai servir de mola propulsora para a mudança de vida de milhares de meninos e meninas maravilhosos e que precisam disso para continuar lutando!

Em 2003, eu estava estudando de uma forma muito precária, trabalhava como policial militar, fazia faculdade de Direito (a segunda, pois já era formado em Administração) e, nas folgas, trabalhava no táxi de meu pai e fazia vários bicos de segurança. Tudo isso para manter minha família e viabilizar meus estudos! Naquele ano, saiu o edital do concurso da Polícia Rodoviária Federal, como eu estava estudando para as carreiras policiais, inscrevi-me e iniciei uma verdadeira guerra para viabilizar várias horas de estudo!

Fiz um cronograma e, efetivamente, me “atraquei” aos materiais de estudo. Nessa época as cobranças eram imensas, pois eu estava estudando desde 1998, ou seja, estava completando o sexto ano de insucessos ininterruptos! As críticas aqui vinham fortes, colegas diziam que eu deveria parar, porque só fazia concurso e nunca passava em nada, meus parentes não me davam apoio e até meu casamento balançou, pois as dívidas se acumulavam!

            Contudo, meu interior, meu espírito, meu coração se mantinham intactos a tudo e isso se dava porque nunca deixei de acreditar em mim, nunca deixei de acreditar que a mão de Deus me encaminhava, que Ele me guiava e que só dependia de meu esforço!

O dia da prova chegou e eu estava muito preparado, sabia tudo que deveria fazer, fui lá e fiz tudo, absolutamente tudo que havia treinado. Meus caros, o resultado saiu e naquele dia aprendi uma valiosa lição:

“Por vezes fazemos tudo que está ao nosso alcance e mesmo assim não era para ser!”

            Não me perguntem o porquê, mas aquele concurso não foi meu e não era para ser mesmo, um ano depois começou a enxurrada de aprovação e, em um lapso de um ano, foram seis, depois mais seis até completar as minhas doze aprovações, todas muito comemoradas, mas nenhuma delas foi tão importante como as derrotas, pois foram elas que forjaram o homem que sou hoje!

Conclusão: sempre afirmo que é muito mais fácil achar o coração de Deus na dor do que no amor! A dor, o sofrimento, a angústia nos fazem crescer e saber que o mundo é um lugar ruim, um lugar feio e muito duro com quem não se esforça, com quem desiste! Por outro lado, para aqueles que se dedicam, para aqueles que não desistem de tentar, e tentar, e tentar o mundo esta de braços abertos e coisas maravilhosas acontecerão em suas vidas e isso se dará de vários modos e de uma forma que você não pode imaginar!

            Quero que utilizem as postagens, os vídeos, os testemunhos como motor para impulsionar suas vidas, não deixem jamais de acreditar que é possível. Você pode não acreditar em Deus, mas pode ter a absoluta certeza que Ele acredita em você e ama muito sua vida! Você pode não querer acreditar em nós, mas os dias, os anos, as derrotas e vitórias vão mostrar quem somos e o que representamos para sua vida!

Por fim, a única coisa que peço é que nos permitam entrar fortemente em suas vidas, deem-nos o prazer de viver todos os dias as derrotas, o sofrimento, as críticas e todo o contexto que forja – com o tempo – grandes vencedores!

Sei que para muitos a frase ainda não faz sentido, mas…

“Filho, amamos muito sua vida!”

P.S: obrigado aos alunos de Brasília pelo carinho, isso ficará marcado em nossa mente e em nossos corações!

 



507 comentários sobre:
Sobre fracassos e derrotas!

  1. João Otávio - Barbacena/MG comentou em :

    É isso aí!

  2. João - Barbacena/MG comentou em :

    Esse ano vai!

  3. Rui Júnio - Brasília comentou em :

    Obrigado pela Força Evandro!

  4. joaquim luiz comentou em :

    Olá,professores muito obrigado pela força de nos proporcionar;

    Essa oportunidade em Brasília ainda não fui agraciado em um;

    Concurso mais como: Evandro diz tenho que acreditar em mim;

    Um grande abraço para todos ALFARTANOS FORÇA…..Joaquim-salvador-ba.

  5. Rayssa Miranda comentou em :

    Chorei agora!!! Galera do Alfa, vocês fazem a diferença!

  6. Felippe Tarkinni comentou em :

    Alô vocês do Alfa………..

    Primeiramente gostaria de agradecer aos que fazem essa verdadeira engrenagem de estudos da Alfacon, ressaltar a importância destas maravilhosas aulas em nossa rotina de estudos, que como todos sabem n é nd fácil. Em posterior deixar o meu desejo de boa sorte a todos que estão engajados assim como eu em torno desse objetivo que é ser aprovado. Sou aqui de Natal/RN e estou gostando mto da forma com que as aulas da Alfacon são conduzidas……….
    Evandro meu irmão vc é inspiração p mim mto obrigado pelas aulas maravilhosas de Direito Administrativo aprendi mto c vc kra !!!!!

    ALFARTANOS FORÇAAAAAAAA!!!!!!!!!!

  7. Lucivanio da Hora - AL comentou em :

    Para os que decepcionaram na PF ADM, assim como eu, força que só Deus está do nosso lado nesse momento de tristeza. Todos te acham um derrotado e fracassado e que não consegue passar numa simples prova de marcar X.

    Isso só alimenta minha alma para dar uma volta por cima.

  8. Patrícia Lima comentou em :

    Obrigada Senhor por ter colocado esse povo em minha vida!!!! Incentivasso

  9. Ricardo Gama comentou em :

    As suas frases fazem muito sentido para mim. Saiba que deixei de frequentar os barzinhos depois do trabalho só para estudar para concursos, tudo isso depois de conhecerem vocês do alfa. Um grande abraço e um verdadeiro beijo em seu coração.

    Ricardo Gama – Aracruz – ES

  10. Jéssica Greenhalgh comentou em :

    Esse é o caminho! Pode até não ser sua primeira aprovação, mas com certeza é sua vitória!

  11. MONICA LOPES comentou em :

    Evandro e todos da Família Alfa venho aqui para agradecer não só pelas palavras de força mas também pelo conteúdo das Aulas, Aulões Free, Sou assinante, e fiz o Curso On-Line do Administrativo da PF, e estava no Presencial da SRV aqui em Brasília. Voltei a estudar tem mais ou menos 1 ano, depois de muitos anos parada. Quero registrar que com o apoio do Alfa consegui fazer 62 pontos líquidos ( Acertei 44 das Básicas e 48 das Específicas) o meu erro foi não ter estudado, decorado, engolido a Lei 8.666 que o Evandro mandou, acho que só aí eu errei 7 questões. Enfim não vou me lamentar, continuarei forte estudando que uma hora a minha hora vai chegar! Agora que achei o Alfa. Meu Deus os caras parace que são adivinhos, tudo que eles falam cai na prova. Gabaritei Português, só errei uma em Administrativo, AFO, eu nunca tinha estudado de 17 consegui acertar 14 com as aulas do Marcelo Adriano. Na SRV o Evandro mandou ler a Legislação da PF, disponibilizou pra gente esse material, e de 10 questões eu errei só três. Estou maravilhada!
    Eu estudei bastante, talvez poderia ter estudado mais, mas o material, as aulas e o incentivo de voces, foi fundamental para esse resultado. Acho que não vai dar para entrar nesse, mas tenho certeza que um dia vai dar. Muito Obrigada Família Alfa! Amo todos vocês! Beijos! Monica Lopes