Depoimento de Priscila Aparecida Dias Cesar

Cascavelense de coração, eu Priscila, cresci em torno de grandes embaraços familiares, os quais resultaram na separação de meus pais. As responsabilidades foram precoces em minha vida, sempre dei muito valor ao esforço de minha mãe para conduzir eu e minha irmã com dignidade por bons caminhos.

Aos 23 anos, recém formada, conheci o Alfa Concursos Públicos. Era a segunda turma de 2009, fui muito bem acolhida pela equipe, à época com cinco professores. Com o marido desempregado e muitas dificuldades no relacionamento, ainda em lua de mel, resolvi me preparar para a prova da Copel e do TJPR e, em pouco tempo fui surpreendida pelos resultados, os quais me fizeram buscar mais.
Hoje, são claros os motivos que me levam a querer ser uma servidora pública: a estabilidade, o reconhecimento e a realização pessoal. Abri mão do meu trabalho para me entregar a este objetivo, ainda não estou pronta, porém tenho a convicção que estou no caminho certo e que a cada dia avanço um passo na imensurável “fila” dos concursandos.
Nesse sentido o Alfa tem sido para mim mais que a “mão de Deus”, sobremaneira aqueles que entram todos os dias nas salas dizendo-nos palavras de incentivo e motivação, revigorando todos com depoimentos de superação pessoal, espalhando esperança. Não obstante o Alfa representa em minha vida a ferramenta que vai proporcionar a realização de um sonho – um futuro promissor e consolidado.
Logo, meu anseio é continuar nesse caminho buscando aperfeiçoar-me com intuito de obter um bom aproveitamento e que num futuro próximo eu possa gozar do tão sonhado cargo público.

Observação: Usamos como depoimento a redação da aluna Priscila, essa redação teve uma nota de avaliação 9,8 e foi elaborada 5 dias antes da convocação oficial sair!



Os comentários estão encerrados.