COMO FAÇO PARA ESTUDAR?

Meus caros alunos, estou aqui hoje para tentar responder uma pergunta constante dos concursandos. De pronto posso afirmar que essa pergunta não tem uma resposta única. Diante disso, vou postar nas linhas abaixo várias fórmulas que irão ajudar você na preparação do dia a dia.

O INÍCIO DA PREPARAÇÃO:
Aqui, o concursando deve ter em mente achar a linha de concurso que ele quer seguir. O importante nesse ponto é verificar primeiramente a banca examinadora e as matérias básicas. Podemos dar como exemplo matérias comuns a vários concursos (PORTUGUÊS, RLM, MATEMÁTICA, CONHECIMENTOS GERAIS, DIREITO ADMINISTRATIVO E DIREITO CONSTITUCIONAL). Mas nesse ponto temos que nos atentar, pois o português da CESPE/UNB segue uma linha e o português da ESAF outra totalmente diferente.
Dica do professor: Escolha a banca examinadora e comece a estudar as matérias básicas.
SEPARANDO O MATERIAL:
Aqui a tarefa é árdua, ache uma bibliografia afeta a banca do concurso que você escolheu e use as apostilas somente como fonte de apoio ou acompanhamento das aulas. Dessa forma, ache materiais de qualidade através de sites especializados, fóruns e dicas dos professores.
PLANO DE ESTUDO
Pois bem meus alunos esse projeto você pode encontrar nas minhas postagens antigas é só procurar pelo “manual do concurseiro”. Fiz vários planos de estudo e ensinei de várias formas os alunos a estudarem. Posso afirmar que o plano funciona, pois funcionou comigo e com muitos alunos que o seguiram a risca.Dica do professor: Não desprese essa etapa, pois a organização é tudo.

ESTUDAR EM CASA, A GRANDE JOGADA!

Meus caros alunos, sempre falo que por melhor que o curso preparatório seja ele não vai conseguir passar você sozinho. Diante disso, o estudo em casa é de suma importância. Sempre pergunto para os alunos: O que você quer, passar entre os primeiros ou passar lá atrás nas vagas? A resposta é sempre a mesma: – Eu quero é passar!

Assim, se você estudar 2 horas por dia mais o cursinho preparatória você conseguirá em 6 meses uma preparação razoavél para o INSS por exemplo. Mas se você estudar pelo menos 4 horas dia mais o cursinho você consegue tranquilamente ficar entre os 2.500 (esse é o número inicial de vagas criadas por lei).

Dica do professor: Fazer só o cursinho não adianta, o importante é fortalecer o estudo em casa e não adianta falar que não tem tempo. Diante disso, coma mais rápido, durma menos, assista menos tv e dúvido que não sobrará tempo.

MOTIVAÇÃO

Aqui esta o ponto de equilibrio que você precisa ter para conseguir passar no concurso. A vida irá conspirar contra você, todos irão dizer que você não vai conseguir, o dinheiro vai acabar e as pessoas mais próximas a você ficarão com receio que você “enlouqueça” (nunca vi ninguém enlouquecer estudando, mas já vi gente enlouquecendo por falta de dinheiro!!!), mas nada disso alcançara você, caso você esteja altamente motivado.

Dica do Professor: Motive-se como der, inspire-se em quem ja passou, cole um cartaz com a foto de um aprovado, do carro que você quer comprar ou da vida que quer ter. Para esse projeto vale tudo, mas a palavra de ordem é: Nunca desistir…

OBSERVAÇÃO:

Meu povo, amanha postarei um plano de estudo completo para quem nunca estudou e para quem tem 2, 4 ou 6 horas por dia para estudar…..fiquem ligados!!!

Evandro Guedes
Concurseiro de coração
Professor de Direito Administrativo


Os comentários estão encerrados.